Passos para abrir uma ME
26 de dezembro de 2017

A figura do contador por um bom tempo esteve atrelada a de um profissional que calculava e emitia guias de impostos a serem pagos pelas empresas, embora este sempre entregasse mais. Dentro desta visão, os honorários pagos pelos seus serviços sempre eram tidos como um “mal necessário”, algo meramente para cumprir as obrigações do governo.

Mas o mundo mudou, a competição dos mercados se acirraram, a informação tem sido um ativo valioso, e os empresários vem redescobrindo o verdadeiro valor deste profissional dando valor as suas entregas.

Realmente, o Contador é um grande parceiro do empreendedor, e é claro, continua tendo que cumprir as obrigações acessórias do governo, que se multiplicaram após o SPED, mas as informações que são geradas, são essenciais e ajudam na sobrevivência e crescimentos dos negócios.

Como dono do seu próprio negócio, é provável que você já tenha sentido na pele essas dificuldades. E isso é natural, porque certamente já teve que emitir guias e controlar prazos de pagamento. No entanto, um contador pode ajudá-lo nessas atividades e, inclusive, ir muito além disso. Listamos, a seguir, algumas das competências e atribuições que você pode esperar desse profissional, principalmente se ele tiver acesso direto ao dados financeiros da empresa por meio da integração com o seu sistema de gestão:

– Preencher e arquivar documentos legais necessários para a operação da empresa;
– Garantir que o seu negócio esteja em conformidade com a legislação tributária e fiscal;
– Elaborar e enviar declarações;
– Manter o registro da empresa atualizado e em conformidade com as exigências dos órgãos governamentais;
– Manipular a folha de pagamento para garantir que todos os funcionários tenham os salários tributados corretamente.

Contabilidade estratégica

A realidade da empresa tem de estar refletida pelas demonstrações contábeis. Mais que isso, o que se propõe atualmente é que o profissional da contabilidade atue em conjunto com outros departamentos da organização e, dessa forma, articule uma estratégia financeira com o propósito de fomentar o crescimento dos negócios a partir do alcance de melhores resultados.

A contabilidade com base na estratégia é capaz de reconhecer e indicar os momentos mais propícios à realização de um investimento. Um contador tem competência para, com base em uma gestão de riscos e em um amplo conhecimento do mercado, orientar a decisão de aplicar — ou não — dinheiro em um novo projeto.

É fundamental compreender a importância não apenas do contador, mas da organização da contabilidade de sua empresa. Com esse entendimento, você poderá articular melhor as competências de um profissional interno com quem já trabalhe ou avaliar se é a hora de contratar um.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *